Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso inicia processo para valorização da “mamoa do Madorro”

A Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso avançou para a aquisição do terreno, onde está inserida a chamada “mamoa do Madorro”, com uma área de 4706 m2, localizado na União de Freguesias de Calvos e Frades.

 

Os primeiros trabalhos incidirão no corte da vegetação rasteira, delimitação física de toda a área adquirida e aplicação de um painel interpretativo daquele monte artificial, que terá acesso a partir do parque do Carvalho de Calvos e integrará todo este espaço verde.

 
 

Futuramente, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso pretende apostar no estudo científico e musealização deste monumento, que remonta ao período do Neolítico (aproximadamente 4 º milénio a.C.).

De lembrar que, em 2006, iniciou-se o projeto de valorização da via romana XVII no concelho da Póvoa de Lanhoso. No decorrer destes trabalhos, nas imediações do Carvalho de Calvos, foi identificada uma estrutura circular de grandes dimensões e com ligeira depressão central, presumindo-se tratar de um monumento sob tumulus, conhecido por mamoa.

 
 

Desde então, a autarquia Povoense mostrou interesse por este espaço patrimonial até que, em agosto de 2019, foi realizada uma prospeção geofísica e elaborado um relatório de caracterização arqueológica, efectuado pela NEXO – Património Cultural, com o propósito de atestar a presença de um dólmen, vulgarmente conhecido como anta, no interior da mamoa.

Do estudo realizado pelo georadar, solução não intrusiva, identificaram-se estruturas no subsolo compatível com um monumento de aproximadamente 28 metros de diâmetro. As anomalias centrais são iguais às de uma estrutura dolménica, com cerca de três metros por quatro metros, composta por átrio e corredor de acesso virado a nascente.Isto permite concluir que, debaixo do monte de terra, conhecido por “mamoa do Madorro”, está um dólmen.

 

Perante estas evidências e depois de ultrapassadas todas as burocracias, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso avançou para a aquisição do terreno e pretende avançar para a valorização do local.

Comentários

comentários

 

Você pode gostar...