Município de Vila Verde assume apoio na vacinação contra a gripe e Covid-19

A presidente da Câmara de Vila Verde, Júlia Fernandes, assegurou hoje “o total comprometimento do Município” no programa de vacinação contra a gripe e a administração da terceira dose da vacina contra a Covid-19. 

 
Julia

Numa visita ao centro de vacinação concelhio instalado na Extensão de Saúde da Vila de Prado, Júlia Fernandes assumiu o investimento na saúde da população do concelho como “uma prioridade inquestionável”, reiterando os apoios ao nível do transporte de pessoas e da adequação de estruturas e equipamentos para reforçar a eficiência dos serviços do ministério da Saúde. 

 
 

“O Município tem de ser um agente promotor da saúde de todos os Vilaverdenses e é um parceiro ativo do Ministério da Saúde e dos seus serviços descentralizados, com particular incidência nesta terceira fase de vacinação simultânea contra a gripe e a covid-19, para maiores de 65 anos e grupos de risco”, reiterou a autarca. 

Acompanhada pelo vereador responsável pelo pelouro da saúde, Patrício Araújo, Júlia Fernandes acompanhou os trabalhos no centro de vacinação em Prado, numa visita conduzida pelo diretor executivo do Agrupamento de Centros de Saúde – Cávado II (ACES Gerês/Cabreira), Nuno Oliveira, e pelo enfermeiro Gonçalo Alves. 

 
 

No âmbito do esforço coletivo no apoio prestado às pessoas e à colaboração para com o Ministério da Saúde, o Município de Vila Verde assumiu um total de 777 transportes de pessoas com dificuldade de mobilidade. 

Do número total de transportes assumidos pelo Município, 328 foram feitos com recurso a ambulâncias protocoladas com os Bombeiros Voluntários de Vila Verde e 449 com recursos próprios dos serviços municipais.  

 

 O Município de Vila Verde assegurou ainda o aluguer de tendas para ampliar a capacidade do centro de vacinação – num investimento de cerca de 60 mil euros –, para além de apoio logístico, viaturas, assistentes técnicos e outros recursos humanos. 

Comentários

comentários

 

Você pode gostar...